Curso Práticas de Alfabetização tem 99,68% de aprovação entre os profissionais da educação que realizaram a formação
Publicidade


Por: DIÁRIO DA MANHÃ, Publicado em: terça, 28 de setembro de 2021

O curso já formou mais de 156 mil pessoas, entre profissionais das redes estaduais e municipais de ensino e interessados da sociedade civil.

O Curso Práticas de Alfabetização, lançado pela Secretaria de Alfabetização (Sealf) do Ministério da Educação (MEC), já formou mais de 156 mil pessoas, além de mais de 242 mil cursistas que ainda estão realizando a formação. Dos 156.582 cursistas aprovados, 115 mil são profissionais de redes estaduais e municipais de ensino.

Em uma pesquisa realizada com os profissionais da educação que concluíram a formação, 99,68% desses profissionais declararam ter gostado do curso. Mais adiante, 68 mil profissionais da educação opinaram sobre questões adicionais a respeito do impacto do curso em sua formação.

Mais de 97% declararam a intenção de aplicar (alguns desses já aplicaram) as estratégias e as atividades aprendidas no curso com seus estudantes. Dos profissionais que declararam já ter aplicado as estratégias assim que finalizaram o curso, 96,7% informaram que perceberam, em diferentes níveis, o desenvolvimento de novas habilidades em seus estudantes. Além disso, 97,3% dos profissionais declararam que o curso supriu uma lacuna em sua formação inicial. 

Sobre o Práticas de Alfabetização

O curso Práticas de Alfabetização foi disponibilizado na plataforma Avamec, com o intuito de apresentar estratégias de ensino e atividades destinadas ao 1º e 2º ano do ensino fundamental baseadas em evidências científicas e com caráter prático, voltadas à sala de aula.

Os conteúdos mais elementares são úteis para crianças do último ano da pré-escola que, apesar de não estarem sendo alfabetizadas, podem desenvolver habilidades importantes que facilitarão o futuro processo de alfabetização. Além disso, todos os conteúdos podem servir como reforço para crianças de idades mais avançadas, especialmente aquelas do 3º ano do ensino fundamental.

O curso envolve sete módulos e um questionário de finalização, que tratam desde o conhecimento alfabético até a produção de escrita. A formação tem carga horária de 30 horas. A inscrição é livre para todos os interessados, não dependendo da adesão do ente federativo ao programa Tempo de Aprender.

Inscreva-se no curso Formação Continuada em Práticas de Alfabetização.

Conheça o Avamec.


Publicidade

Comentários

Os comentários abaixo não representam a opinião do Diario da Manhã; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Qual sua opinião?
Você precisa estar logado para comentar! Clique aqui para Login




Publicidade



Leia também


PUBLICAÇÕES PARTICULARES

DM Impresso